A copa do mundo promete intensificar a paixão dos brasileiros pelo futebol, bem como estimular a criatividade dos alunos em sala de aula

O ano de 2018 promete eventos importantíssimos para o Brasil, bem como o mundo. Um deles, tem data e lugar marcado:  a copa do mundo. Desta vez, sediada pela Rússia. Apesar do distanciamento, os brasileiros não deixam de se envolver em assuntos relacionados ao verde e amarelo, principalmente quando se tem uma bola na história. A paixão pelo esporte é em sua maioria intensa. Além de questões emocionais, o esporte também está ligado a outros campos sociais, um deles: a educação.

Eventos como este, pode ser uma oportunidade interessante de estímulo fora ou dentro da sala de aula abrangendo mais de uma disciplina, afinal, nem só de educação física sobrevive o esporte. O tema abre uma série de temáticas a serem discutidas, ou mesmo colocadas em prática. A interdisciplinaridade visa promover a criatividade e compreensão do aluno em diferentes âmbitos.

Contudo, apesar de as terras tupiniquins já terem sido palco de eventos como estes, ainda falta preparo. Não existe um how to do de como introduzir esse assunto. A receita seria basicamente: alunos interessados e um corpo docente disposto a fazer isso acontecer. Desde torneios de futebol, nas aulas de Educação física até discussões sobre temas sociais que envolvem o esporte, nas aulas de sociologia e filosofia. Vale tudo. Ao se aplicar um tema tão popular, a fixação dos conteúdos programáticos se torna mais eficiente.

Toda essa dinâmica digna de taça de ouro, sendo aqui ou em outro país, promove uma aproximação do público das escolas. De uma forma ou de outra, todo mundo se movimenta.  Apesar da copa só começar ano que vem, lá na Rússia, os professores já precisam se programar. Uma forma eficaz é adaptar os planos de aula ao que está por vir, trazendo o aluno para mais perto do conteúdo. A bola da vez é a interdisciplinaridade e a constante atualização do tema, o uso desses recursos é possível às instituições que investem. Nesse caso, o gol é certeiro.

Dicas para introduzir o tema na escola:

1 – Decoração dos corredores e salas de aula nas cores da bandeira brasileira

2 – Discussão dos temas relacionados ao esporte para os alunos, de acordo com o nível de maturidade e reflexão dos mesmos.

3 – Feira cultural sobre edições anteriores da copa

4 – Adoção de programas em movimento que integre e valorize a relação de pais, professores e alunos

5 – Torneios de futebol entre diferentes classes

 

Victória Coelho é redatora da REA e estudante de jornalismo do Unasp.