Educação e comunicação aliadas formam um time poderoso como instrumento de ensino

Não é de hoje que acontece o conflito entre o que pais e professores ensinam e o que as crianças aprendem na rua e, principalmente, com os meios de comunicação. Se há dez anos a preocupação era com o que os baixinhos assistiam na televisão, hoje o espectro é muito maior para uma geração que já nasce com o dedo deslizando sobre o smartphone. Entretanto, culpar a mídia não é a melhor solução, o ideal é que todos os envolvidos desenvolvam visão crítica para que a aprendizagem seja saudável.

Ler mais